FEBRACE 2012 reœne 745 jovens talentos de todo o Pa’s

Esse é o número de estudantes que estarão na 10ª edição da FEBRACE para apresentar seus projetos na maior mostra de ciências e engenharia do Brasil.

A 10ª edição da FEBRACE (Feira Brasileira de Ciências e Engenharia), que acontece de 13 a 15 de março, em São Paulo, nas dependências da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli/USP), contará com 325 projetos desenvolvidos por 745 jovens talentos oriundos de escolas públicas e privadas de ensino fundamental (8ª e 9ª anos), médio e técnico de todas as regiões do País. Os projetos, a exemplo das edições anteriores, oferecem soluções alternativas – muitas vezes inovadoras – para problemas da sociedade. Veja a relação no site www.febrace.org.br.

Promovida anualmente pelo Laboratório de Sistemas Integráveis (LSI) da Poli, a FEBRACE é a maior feira brasileira de Ciências e Engenharia. Os projetos deste ano foram selecionados entre 1.505 trabalhos, submetidos diretamente pelos autores e por meio das 54 feiras de ciências afiliadas. No evento, os projetos finalistas serão avaliados por uma comissão julgadora. Os autores dos melhores trabalhos ganharão medalhas, bolsas de iniciação científica do CNPq, certificados e estágios, entre outros prêmios. Também serão selecionados nove estudantes para representar o Brasil na Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel (Intel ISEF), que neste ano acontece em Pittsburgh, nos Estados Unidos, de 13 a 18 de maio.

Mostra de talentos - Para a coordenadora geral da FEBRACE, Roseli de Deus Lopes, feiras como a FEBRACE têm o poder de estimular o espírito investigativo e empreendedor nos jovens – algo fundamental para uma econômica baseada no conhecimento. “A FEBRACE é uma mostra do potencial dos nossos jovens, de sua capacidade para inovar, encontrar soluções para problemas da sociedade e contribuir para o desenvolvimento do País”, afirma. “Cada vez mais as empresas buscam profissionais especializados, com competências para a investigação sistemática e científica, que resulte em solução de problemas reais”, enfatiza.

Segundo Roseli, há uma estimativa que entre 10% e 20% dos estudantes têm potencial elevado, mas que não é aproveitado porque a escola trabalha o aluno usando como parâmetro a média da população. A criatividade, no entanto, não depende de condição econômica ou social, como mostram os números da FEBRACE. Os projetos finalistas foram desenvolvidos, em sua maioria, por estudantes oriundos de escolas públicas (218), seguidas das particulares (80) e fundações (19). "Estimulando a cultura investigativa nas escolas, abrimos espaços para que jovens se descubram, desenvolvam seus talentos e assim contribuam para o desenvolvimento do País".

SERVIÇO

Local da 10ª FEBRACE: Mega tenda climatizada, com 2.300m2 metros quadrados, localizada ao lado estacionamento da Escola Politécnica da USP (Av. Prof. Luciano Gualberto, travessa 3, nº 380, Cidade Universitária, São Paulo). A entrada é franca e a Feira ficará aberta ao público de 13 a 15 de março, das 14 às 19 horas.

Cerimônias de premiação: dia 16 de março na própria tenda de eventos e 17, no Palácio dos Bandeirantes, das 9h às 12h.


Atendimento à imprensa:

Acadêmica Agência de Comunicação
(11) 5549-1863 / 5081-5237 / 9185-9557
erika@academica.jor.br

OU

FEBRACE
Elena Saggio e Gustavo Quattrone
(11) 3091-5676
elena@lsi.usp.br; gfelipe@lsi.usp.br

Outras fontes de informação:
Site: www.febrace.org.br
Blog: http://criaeinova.wordpress.com/
Flickr: http://www.flickr.com/photos/febrace/
Facebook: http://www.facebook.com/febrace
Twitter: @febrace
Youtube: http://www.youtube.com/user/FEBRACE

Quem apoia e patrocina o evento:

Apoio institucional do Governo Federal, Ministério da Educação, Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovação, Capes, CNPq, UNESCO, FIESP, SESI e SENAI, e o apoio cultural da Rede Globo, TV Cultura, TV Escola, TV USP e Olhar Digital. Patrocínio do SEBRAE, Petrobras, Intel, e Instituto Votorantim.

Voltar aos Press Releases