Brasileiros batem novo recorde de prêmios na Intel ISEF

A delegação brasileira faz sucesso na Intel ISEF e traz para nosso país um total de 21 prêmios.

Após muita expectativa, a delegação brasileira de jovens cientistas selecionados para participar da maior feira de ciências e engenharia do mundo – Intel ISEF (International Science and Engineering Fair), chegam aos Estados Unidos e fazem grande sucesso, conquistando 21 prêmios, sendo 10 prêmios da premiação geral por categoria e 11 prêmios de diversas entidades públicas e privadas.

Sempre com uma participação de destaque, no último ano (2009) os brasileiros trouxeram cinco prêmios. Este ano com o impressionante número de 21 prêmios, o Brasil é a terceira delegação mais premiada, ficando atrás apenas dos Estados Unidos e da China (22 prêmios).

Destacamos que dentre os 21 prêmios do Brasil estão os dois primeiros lugares no “Prêmio da Google”, dois primeiros lugares na “Classificação por Categoria” e dois destaques “Melhores da Categoria”.

Todos os anos, a FEBRACE, a MOSTRATEC e a Escola Americana de Campinas, afiliadas à Intel ISEF, selecionam projetos de destaque, para representar o país na maior feira de ciências do mundo a Intel ISEF.

A Intel ISEF (Internacional Science and Engineering Fair) faz parte de um programa da Society for Science & the Public e da Intel Foundation (http://www.societyforscience.org/), está em sua 61ª edição e reuniu este ano em San Jose, California, 9 a 14 de maio, 1.611 estudantes de 59 países.

É uma competição baseada na qualidade de projetos e pesquisas desenvolvidos por estudantes de todo o mundo que ainda não chegaram ao ensino superior e que competem por mais de quatro milhões de dólares em prêmios. O principal objetivo é apresentar as inovações de jovens criativos do mundo todo, além de gerar a oportunidade para que jovens talentos sejam reconhecidos internacionalmente.

A cobertura do evento está disponível na Web pelos seguintes canais:

Estudantes premiados na Intel ISEF da esquerda para a direita: Lucas, Eduardo, Amanda, Karoline, Heitor, Willian, Leonardo, João, Tamara e Carlos.

Confira a lista dos estudantes premiados e seus projetos:

Na segunda cerimônia de premiação da Intel ISEF, dia 14, os brasileiros conquistam 10 prêmios. São eles:

Primeiro Lugar em Behavioral and Social Sciences

Destaque de Melhor na Categoria

Tamara Gedankien, 17, Escola Brasileira Israelita Chaim Nachman Bialik, São Paulo, SP, com o projeto: Gemara e Gematria: Um Estudo de Caso sobre os efeitos do uso de Contextualização Sociocultural para a Aprendizagem da Matemática, recebe o prêmio de 3.000 dólares e mais 5.000 dólares pelo destaque na categoria. (Selecionada pela Mostratec)

Primeiro lugar em Biochemistry

Destaque de Melhor na Categoria

Alejandro Mariano Scaffa, 17, Escola Americana de Campinas, Campinas, São Paulo, com o projeto melhoria no rendimento da produção de etanol através de esterilização do suco de cana de açúcar (garapa) por micro-ondas, recebe o prêmio de 3.000 dólares e mais 5.000 dólares pelo destaque na categoria. (Selecionado pela Escola Americana de Campinas)

Segundo lugar em Microbiology

William Lopes, 20, Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha, Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul, com o projeto: Utilização do fungo Aspergillus niger em Tratamento de Águas Residuais II recebe o prêmio de 1.500 dólares. (Selecionado pela Mostratec)

Segundo lugar em Projetos em Grupo

Eduardo Trierweiler Boff, 18 e Lucas Strasburg Ferreira, 18, Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha, Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul, com o projeto: Prótese ortopédica de baixo custo para amputação de membros inferiores produzido a partir de Materiais Recicláveis recebe o prêmio de 1.500 dólares. (Selecionado pela Mostratec)

Terceiro lugar em Biochemistry

Leonardo de Oliveira Bodo, 15, Dante Alighieri, São Paulo, com o projeto Tecelagem de Saúde: A Tecelagem de antimicrobial de Substâncias da Ootecas da aranha, Phoneutria nigriventer recebe o prêmio de 1.000 dólares. (Selecionado pela Mostratec)

Terceiro lugar em Environmental Management

Karoline Elis Lopes Martins, 18, Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG, com o projeto Construção de um Sistema de Fluxo Contínuo SODIS com garrafas PET Integrado a um sistema de água e tratamento de águas residuais recebe o prêmio de 1.000 dólares. (Selecionado pela FEBRACE)

Terceiro lugar em Medicine and Health Sciences

Joao Batista de Castro David Junior, 17, Colégio Estadual Liceu de Maracanau, Maracanau, CE, Brasil, com o projeto Identificação de insetos larvicidas biológicos recebe o prêmio de 1.000 dólares. (Selecionado pela FEBRACE)

Quarto lugar em Physics and Astronomy

Bruna Favetta, 16, Escola Americana de Campinas, Campinas, São Paulo, com o projeto avaliar as alterações nos níveis de colágenos no tecido da próstata de ratos castrados usando óptica não linear, recebe o prêmio de 500 dólares. (Selecionado pela Escola Americana de Campinas)

Na primeira cerimônia de premiação da Intel ISEF, dia 13, os brasileiros conquistam 11 prêmios. São eles:

Primeiro lugar Prêmio Google

Karoline Elis Lopes Martins, 18, Centro Federal de Educação Tecnológica de Belo Horizonte, MG, com o projeto: Construção de um Sistema de Fluxo Contínuo SODIS com garrafas PET Integrado a um Sistema de Água e de Tratamento de Resíduos (Selecionada pela FEBRACE); e

William Lopes, 20, Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha, Novo Hamburgo, RS, com o projeto: Utilização do fungo Aspergillus niger em Tratamento de Águas Residuais II (Selecionado pela Mostratec); conquistaram o primeiro lugar na Categoria Agentes da Mudança e receberam 10.000 dólares cada um.

Primeiro Lugar American Society of Pharmacognosy

Leonardo de Oliveira Bodo, 15, Dante Alighieri, SP, com o projeto: A tecelagem de substâncias antimicrobial da Ootheca da aranha, Phoneutria nigriventer, conquistou o primeiro lugar e 500 dólares. (Selecionado pela Mostratec)

Terceiro Lugar CACO - Pharmaceutical & BioScience Society

Joao Batista de Castro David Junior, 17, Colégio Estadual Liceu de Maracanaú, CE, com o projeto: Identificação de insetos larvicidas biológicos, conquistou o terceiro lugar e 500 dólares. (Selecionado pela FEBRACE)

Illinois Institute of Technology

Tamara Gedankien, 17, Escola Brasileira Israelita Chaim Nachman Bialik, São Paulo, SP, com o projeto: Gemara e Gematria: Um Estudo de Caso sobre os efeitos da utilização da contextualização sócio-culturais para a Aprendizagem da Matemática, conquistou uma bolsa de estudos de 15.000 dólares por ano, durante 4 anos. (Selecionada pela Mostratec)

National Collegiate Inventors and Innovators Alliance/ The Lemelson Foundation

Karoline Elis Lopes Martins, 18, Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG, com o projeto: Construção de um Sistema de Fluxo Contínuo SODIS com garrafas PET Integrado a um Sistema de Água e de Tratamento de Resíduos (Selecionada pela FEBRACE);

Joao Batista de Castro David Junior, 17, Colégio Estadual Liceu de Maracanau, Maracanau, CE e William Lopes, 20, Fundação Escola Tecnica Liberato Salzano Vieira da Cunha, Novo Hamburgo, RS, com o projeto: Identificação de insetos larvicidas biológicos (Selecionado pela FEBRACE) e

William Lopes, 20, Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha, Novo Hamburgo, RS, com o projeto de Utilização do fungo Aspergillus niger em Tratamento de Águas Residuais II (Selecionado pela Mostratec); conquistaram 1.000 dólares cada um.

Teceiro lugar - Psi Chi, The International Honor Society in Psychology

Heitor Geraldo da Cruz Santos, 15, Associação Educacional e Cultural Arco-Iris, Recife, PE, com o projeto: Educação Nutricional nas Escolas Brasileiras: uma nova metodologia, conquistou o terceiro lugar e 150 dólares. (Selecionado pela FEBRACE)

Menção Honrosa - American Chemical Society

Amanda De La Rocque Rodrigues, 18, Carlos Henrique Leite da Silva, 18, Paolo Damas Pulcini, 18, ETEC Getulio Vargas, São Paulo, SP, com o projeto: Sulfonação de poliestireno: aplicação na retenção de íons de metais pesados. (Selecionados pela FEBRACE)

Menção Honrosa - International Council on Systems Engineering - INCOSE

Karoline Elis Lopes Martins, 18, Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG, com o projeto: Construção de um Sistema de Fluxo Contínuo SODIS com garrafas PET Integrado a um Sistema de Água e de Tratamento de Resíduos. (Selecionada pela FEBRACE)

 

Voltar aos Press Releases